Astronomia divertida: 10 brincadeiras para quem ama o espaço

O céu não é o limite nesta lista de brincadeiras com ideias para as crianças explorarem estrelas, planetas e galáxias
iStock/arte Lunetas
  • Publicado em: 30.10.2020
da Redação

Estrelas, por definição científica, são corpos celestes capazes de gerar luz própria. Durante o dia, elas se escondem no céu, deixando o astro-rei sol brilhar e aquecer a vida terrestre, mas, ao anoitecer, cintilam na imensidão escura. Às vezes, podem ser confundidas com planetas possíveis de serem vistos a olho nu, como Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno. Partilham o céu com a lua que, quando alinhada ou desalinhada ao sol e sua potência gravitacional, modifica o nível das marés.

Envoltas em crenças variadas ou gerando múltiplas curiosidades, o céu e as estrelas são capazes de fascinar crianças de todo o globo. Pensando nelas, o Lunetas traz 10 brincadeiras dedicadas aos pequenos apaixonados pelos astros.

1 Foguete de papelão

Bobinas variadas de papelão (papel higiênico, toalha, alumínio, plástico filme, entre outros) são o corpo do foguete. As asas podem ser feitas com papéis coloridos mais rígidos ou papelão. Papéis de tons avermelhados simulam o fogo da combustão. Com cola e fitas adesivas o foguete ganha forma, e pode ainda ser adornado com tintas ou fitas coloridas. A criatividade é a aliada número 1 no processo de criação desse singelo foguetinho.

Divulgação/Tempojunto

Um foguete feito em casa!

2 Foguete de canudo

Decore papéis a gosto e enrole em um canudinho de plástico ou papel. Feche uma das extremidades com fita adesiva e deixe a outra ponta com o canudinho exposto. Simples e rápido, agora, é só soprar e ver o foguete voar rumo a paredes e teto de casa.

O visual é similar a uma língua de sogra, com a diferença do papel utilizado. Neste foguete, dá para usar papel de seda, sulfite e cartolina – os dois últimos demandam mais fôlego para assoprar. Crepom não é recomendado por amassar facilmente e soltar tinta.

Divulgação/Tempojunto

Foguete com canudos coloridos

3 Caixa sensorial

Restos de papéis coloridos, papel alumínio, enfeites de natal usados e objetos variados podem simular estrelas, foguetes, planetas e o que mais a imaginação mandar quando o assunto é espaço. A base para nossa própria via láctea pode ser feita com areia, papelão pintado, tecidos escuros gastos ou o que mais tiver em casa. 

Divulgação/Instagram/@mygirlsmake

Uma “caixa estelar” para explorar os sentidos

4 Abajur de constelação

Para este brinquedo, você vai precisar:

  • Luminária de led (pequena e à base de pilha)
  • Pote de vidro vazio com tampa (com espaço suficiente para a luminária)
  • Alumínio rígido (encontrado em embalagens de alimentos)
  • Caneta
  • Furador em formato de estrela

Faça furos pequenos no alumínio com o auxílio de uma caneta. Com lápis ou caneta cinza, constelações podem ser desenhadas com marcações mais fiéis a seus formatos em vez de dispor os furos de maneira aleatória. Com um furador em forma de estrela, a luminária pode ficar ainda mais lúdica. Coloque a luminária de led dentro do pote e disponha o alumínio ao seu redor. Em ambientes escuros, acenda a luminária e veja a magia das estrelas acontecer.

Reprodução/Pinterest/Design Mom

Abajur de led com estilo e fácil de fazer

 

5 Estrela que abre sozinha

Quebre cinco palitos de dente e faça cinco pontas com duas metades de palito cada. Com auxílio de um conta-gotas, pingue uma gota de água no centro da estrela. A madeira incha ao absorver a água, fazendo com que ela se abra. Dica do Manual do Mundo!

6 Geleca caseira de galáxia

Com cola de isopor, amaciante, água, guache ou corantes alimentícios, temos a geleca mais fácil do mundo. Glíter biodegradável dá um visual galáctico que é satisfação garantida para os pequenos.

Aprenda a fazer ‘geleca’ e garanta a diversão das crianças

7 Luneta

Quando a noite chega limpa e sem nuvens no céu, até mesmo as cidades grandes como São Paulo são capazes de agraciar os olhos com estrelas. Com uma bobina de papelão maior, como a de papel alumínio ou de plástico filme, temos uma luneta caseira que pode fazer a alegria dos pequenos! Tintas, canetinhas e fitas coloridas ajudam na tarefa de deixar a luneta mais atrativa. Que tal tentar achar Marte, um ponto avermelhado em meio às várias estrelas cintilantes no céu? Veja mais detalhes deste brincando na dica do Tempojunto

Divulgação/Tempojunto

Luneta de papel para ver as estrelas do céu!

 

8 Origami de estrela infinita

Usando oito quadrados de papel colorset (com tamanho sugerido de 10×10), esse origami de estrela pode ser feito não só pelas crianças, mas pela família toda. O origami permite o desenvolvimento de múltiplas habilidades dos pequenos, como a coordenação motora, a concentração e a criatividade.

9 Sol e Lua

Com um giz, desenhe um sol e uma lua no chão, em lados distintos. Oriente as crianças a saltarem ora para o lado do sol, ora para o lado da lua, conforme o comando desejado. A brincadeira é recomendada para crianças de três a seis anos, onde a noção de espaço, movimentação e tempo de reação são algumas das possibilidades de desenvolvimento.

10 Cortina estrelada

A cortina estrelada é uma excelente opção para brincar dentro de casa. Utilize um furador em formato de estrelas em uma cortina blackout (corta luz) preta e pronto! Um céu de estrelas saúda os pequenos presentes no ambiente enquanto houver sol batendo na cortina.

 

Reprodução/Pinterest/Ana Medeiros

Cortina estrelada para um espaço mais lúdico

Resumo

O Lunetas criou esta lista com 10 brincadeiras para crianças que amam o universo sideral e os corpos celestes, utilizando muitos materiais que temos em casa.
Ir para o início
Alguma dica ou sugestão? Encontrou um erro? Clique aqui e compartilhe com a gente!

Tenha Lunetas no seu e-mail