‘No Chão da Escola’ debate ensinos remoto e presencial

Ação formativa busca contribuir com a comunidade escolar ao discutir os desafios e as aprendizagens envolvidas nesse período que antecede a volta às aulas
iStock/Arte Lunetas
  • Publicado em: 20.01.2021
  • Atualização: 01.02.2021
da Redação

Enquanto o ano letivo de 2021 segue permeado por incertezas, o Instituto Alana promove a segunda edição de No Chão da Escola: desafios e aprendizagens no ensino remoto e presencial. As escolas têm atuado a partir do ensino remoto mediado ou não por tecnologias e da educação a distância e se preparam para um eventual retorno às atividades presenciais.

Frente aos desafios impostos pela pandemia da Covid-19 que acirrou as desigualdades e transformou o cotidiano de milhares de pessoas e instituições, esta ação pretende contribuir com oportunidades formativas à comunidade escolar que resultem em aprendizagens seguras, acolhedoras e inclusivas para todos os estudantes. 

“No Chão da Escola” é uma iniciativa gratuita que contribui com a formação continuada de profissionais da educação (professores, gestores de escola, equipe de apoio e equipes técnicas de secretarias de educação e redes de ensino). O evento terá transmissão ao vivo pelo YouTube, entre os dias 26 e 28 de janeiro, das 18h às 21h. Interessados podem se inscrever aqui. Se preferir, pode se cadastrar para receber os links das transmissões via canal no Telegram. Haverá certificação aos participantes. 

São inúmeros os desafios para se garantir o direito à educação a todos, sobretudo às comunidades escolares mais vulneráveis, observando os riscos de abandono e evasão escolar. O trabalho intersetorial e em rede tornou-se ainda mais necessário para a proteção e o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, bem como a escuta e a participação dos professores e estudantes são essenciais na revisão dos Projetos Políticos Pedagógicos, readequando-os para as demandas e necessidades do contexto, do território e da comunidade. Para Ana Cláudia Leite, consultora da área de educação do Instituto Alana,

“É preciso fortalecer a educação como uma corresponsabilidade de todos e extrair do contexto da pandemia subsídios para criar novos sentidos e esperanças para a escola e para a aprendizagem”

São cinco os eixos temáticos do evento: vínculo (elos entre escolas e famílias); acolhimento (escuta, trabalho intersetorial e rede de proteção social); aprender (como um direito de todos); corpo em movimento (desafios para o desenvolvimento integral); e esperanças (construindo novos sentidos para a escola).

Confira a programação do evento ‘No chão da escola’:

26 de janeiro, terça-feira, 18h às 21h

  • ‘Vínculo – elos entre escolas e famílias’: desafios e conquistas do vínculo e da parceria entre escola, família e estudantes no contexto atual. Com Telma Vinha, doutora em educação, pesquisadora e professora da Unicamp (SP), e Kátia Schweickardt, professora da UFAM e ex-secretária de educação de Manaus (AM). Mediação de Tereza Perez, educadora e diretora-presidente da Comunidade Educativa CEDAC.
  • ‘Acolhimento – escuta, trabalho intersetorial e rede de proteção social’: como promover o acolhimento socioemocional de estudantes e professores em um contexto de acirramento das desigualdades e vulnerabilidades. Com Ingrid Limeira, advogada, conselheira tutelar, especialista em Direitos das Diversidades, Telma Araújo Porto Couto, pedagoga e coordenadora do Núcleo de Atendimento Multiprofissional de Jacareí (SP), e Cecilia Motta, professora, conferencista, mestre em educação, bióloga, secretária de educação (MS) e presidente do Conselho Nacional de Secretários de Educação. Mediação de Ana Cláudia Arruda Leite, pedagoga e consultora de educação e infância do Instituto Alana.
  • Lançamento do podcast do Território do Brincar. Com Renata Meirelles, coordenadora da pesquisa Território do Brincar. Uma escuta on-line realizada com famílias buscou compreender, pelo contexto de cada criança (ritmos, rotinas e interesses) o que havia de espontâneo no brincar durante o isolamento social em diferentes ambientes da casa. 

Se você perdeu o evento, assista aqui à transmissão on-line do primeiro dia de formação, no canal do YouTube do Instituto Alana.

27 de janeiro, quarta-feira, 18h às 21h

  • ‘Aprender como um direito de todos’: como garantir a aprendizagem de todos, sobretudo dos mais vulneráveis, no contexto da pandemia e como desenvolver uma educação inclusiva e de qualidade, seja no ensino remoto, híbrido ou presencial. Com Ednéia Gonçalves, socióloga, educadora e coordenadora executiva adjunta da ONG Ação Educativa, e Martinha Clarete Dutra, doutora em educação, pesquisadora e consultora em inclusão e membro do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Mediação de Luiz Miguel Garcia Martins, presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação e professor.
  • ‘Corpo em movimento – desafios para o desenvolvimento integral’: como promover o desenvolvimento integral em um contexto de isolamento social, priorizando o corpo e a sensorialidade no currículo. Com Joanilson Xisto, professor de Ensino Médio e vencedor do Criativos da Escola 2019 (AM), André Cyrino, professor de educação física, mestrado em Gestão e Avaliação da Educação Pública (CE), e Vasti Ferreira, pedagoga e Secretária de Educação em Jundiaí (SP). Mediação de Ivan Claudio Pereira, doutor, professor, Conselheiro na Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação.
  • Lançamento do Percurso Formativo do Filme “O começo da vida 2 – lá fora. Com Paula Mendonça, assessora pedagógica do Programa Criança e Natureza, do Instituto Alana, e apresentação de uma pílula exclusiva sobre educação.

O segundo dia de formação está disponível neste vídeo, no canal do YouTube do Instituto Alana.

28 de janeiro, quinta-feira, 18h às 21h

  • ‘Esperança – construindo novos sentidos para a escola’: caminhos para nutrir a esperança em contextos de crise, como da pandemia, a partir do fortalecimento do potencial educativo, poético, lúdico, afetivo e comunitário de escolas e territórios. Com participação da argentina Profa Chiqui González, advogada, educadora, gestora cultural, atriz, dramaturga, ex-Ministra de Inovação e Cultura da Província de Santa Fé. Atualmente é Conselheira de Infância do Centro Cultural Kirchner da Cidade de Buenos Aires. 
  • Relatos de experiências e bate-papo. Com Lourdes Ramos, professora de Ensino Médio (BA) e vencedora do Desafio Criativos da Escola 2017, Lúcia Cristina Cortez, gestora escolar de Ensino Fundamental (AM) e vencedora do Prêmio Educador Nota 10, e Rita Jaqueline Morais, bióloga, professora e assessora de Educação Infantil (RS). Mediação de Helena Singer, líder de estratégia na Ashoka e consultora em educação e inovação social.
  • Encerramento artístico. Com Mafuane Oliveira, pesquisadora, arte-educadora, contadora de histórias, que fará uma breve contação de história à luz do tema da noite, inspirando e nutrindo a todos para o início do ano escolar e enfrentamento dos desafios.

O terceiro dia de formação está disponível neste vídeo, no canal do YouTube do Instituto Alana.

Resumo

Enquanto o ano letivo de 2021 segue permeado por incertezas, ação formativa voltada à comunidade escolar pretende debater os desafios e as aprendizagens envolvidos nos modelos de ensino remoto e presencial.
Ir para o início
Alguma dica ou sugestão? Encontrou um erro? Clique aqui e compartilhe com a gente!

Tenha Lunetas no seu e-mail

Últimos posts