Adaptação de obra dos Irmãos Grimm aborda protagonismo feminino

Gabriel Rais/Arte Lunetas
  • Publicado em: 22.04.2021
da Redação

E se a coragem em excesso fizesse o mundo te ver como uma bruxa? No espetáculo “A menina que saiu de casa para saber o que era o medo”, somos apresentados a uma adolescente de 16 anos que busca provar para quem lhe rodeia que sim, ela sente medo! Adaptada do conto “O menino que saiu de casa para saber o que era o medo”, dos Irmãos Grimm, a peça é protagonizada pela atriz Daiane Baumgartner, que dá vida a uma história única mesclando teatro de sombras, cinema mudo e quadrinhos, com ênfase no protagonismo feminino.

Vista como alguém que comete maldades por não sentir medo de nada, nossa protagonista entra em uma jornada de autoconhecimento por florestas sombrias, cemitérios e castelos mal-assombrados. Abordando temas como doenças, ódio e luto de maneira leve, Daiane estimula reflexões sobre os assuntos que são considerados tabus no universo infantil, apesar de inevitavelmente fazerem parte da trajetória humana. Além disso, a atriz define o espetáculo como “uma busca pelo belo, mesmo naquilo que mais nos aterroriza”.

Confira a programação:

A menina que saiu de casa para saber o que era o medo – uma releitura dos irmãos Grimm

Aviso

As informações acima são de responsabilidade do organizador do evento e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Tenha Lunetas no seu e-mail