Carregando...

13 espaços em São Paulo para visitar no pós-parto

Uma oportunidade para tirar o pijama e sair para dançar, se movimentar ou ver um filminho
Passeio no pós-parto em São Paulo divulgação Facebook
  • Publicado em: 30.05.2018
por

Nem reclusão e recusa, nem 100% de conforto e disposição. Gestação e pós-parto são momentos que trazem uma série de prazeres, mas também problemas e conflitos para as famílias. O Lunetas fez um lista de lugares para visitar no pós-parto e estar em contato com outras famílias recém-nascidas. 

Nada melhor do que um pouco de ar fresco e informação. É uma fase de novidades e adaptações que envolve, inclusive, saber como interagir com as pessoas e com a cidade dentro de uma nova rotina. E, claro, com um novo integrante. Por isso, quando espaços e atividades são pensadas levando em consideração a necessidade de acolhimento e cuidado que as mães e pais precisam, elas abrem portas para um convívio que evita o isolamento das famílias recém-nascidas.

Além disso, estar em contato com uma rede de apoio pode ajudar muito na superação de problemas comuns e fortalecimento de vínculos. 

Confira a lista!

Cinematerna 

A viagem pelo universo das telonas já pode ser feita na companhia dos pequenos. Com o objetivo de resgatar socialmente a mãe recém-nascida por meio da cultura, a Cinematerna é um espaço que organiza sessões especiais de cinema para mulheres com bebês de até 18 meses. Pais, acompanhantes e cuidadores são sempre bem-vindos e quem quiser pode se juntar aos bate-papos que rolam depois da exibição dos filmes. Aqui você confere as sessões mais próximas.

Mãetinê 

Quem foi que disse que puerpério não combina com festa? A Mãetinê é um evento criado em 2015 pela artista e DJ Paula Marcelle, que após ter sua primeira filha, sentiu falta de um lugar confortável e acolhedor para dançar e curtir com a nova integrante da família. Uma matinê voltada para as mães, pais e famílias com seus bebês que acontece mensalmente no Bar Bebo Sim, no bairro da Pompeia e no Centro Cultural Artemis, na Barra Funda. Fica ligada nas próximas festas!

Caza da VilaÉ um espaço de apoio, troca de informações e experiências, que promove encontros e rodas de conversa destinadas às mulheres, gestantes, puerpérias, lactantes e crianças. Periodicamente também oferece consultas com pediatras (individual ou em grupo), oficina de sling e mamaço. A Caza da Vila fica na Vila Mariana, zona sul de São Paulo e informa aqui sobre os próximos encontros.
Casa MoaraDispõe de atendimentos nas áreas de obstetrícia, ginecologia, pediatria, fisioterapia (preparo e reabilitação perineal), nutrição, psicoterapia, acupuntura e medicina antroposófica. Além disso, oferece atividades como yoga, dança, Shantala, vivências e reuniões em grupos de apoio a gestantes, durante o pós-parto e para avôs e avós. Moara em tupi-guarani significa “ajudar a nascer”. Porque quando nasce um bebê, nasce uma nova família que também precisa de suporte e apoio. A Casa Moara está localizada no Brooklin, zona sul de São Paulo. Você pode conferir a agenda de eventos aqui.
Dança MaternaO ditado que afirma “quem canta seus males espanta” com certeza pode também ser adaptado à dança. Com essa intuição, a bailarina Tatiana Tardioli gestou um conjunto de linhas de trabalho para gestantes, mães com bebês de colo e andantes, reunidas no que passou a se chamar Dança Materna. Hoje, um grupo de mais de 50 professoras licenciadas multiplicam esses passos e movimentos pelo Brasil. O projeto inclui aulas na água, buscando promover o cuidado, equilíbrio espiritual, emocional e físico, e o fortalecimento dos vínculos entre as mães e os bebês. Para ver a programação que acontece em São Paulo e outras cidades, acesse aqui.
CasitaA Casita é o primeiro espaço de convivência humanizado para gestante à primeira infância no ABC, em São Paulo. Possui atendimentos em ginecologia, obstetrícia e pediatria humanizadas, doulagem, amamentação, fisioterapia, psicoterapia, nutrição, yoga, acupuntura, massoterapia, musicalização para bebês, grupos de apoio ao parto e pós-parto, e promove cursos nessas áreas.
MatriceA Matrice – Ação de Apoio à amamentação realiza encontros gratuitos e abertos com mães para falar sobre a amamentação. É basicamente um grupo de mães, com histórias marcantes, que ajudam outras mães a amamentar. As reuniões acontecem  todas as sextas-feiras das 13h30 às 15h30 na Casa do Brincar, em Pinheiros, zona oeste de São Paulo.
Espaço SantoshaLocalizado em Boa Vista, São Caetano do Sul, o Espaço Santosha oferece Yoga, treino multifuncional, massagens, terapias. O foco está em gestantes e toda a família, com uma programação que também inclui roda de conversas sobre pós-parto, grupo de apoio ao parto humanizado, dança materna e retiros.
Casa Curumim“Curumim” é uma palavra de origem tupi, que significa “crianças indígenas”. E a natureza do seu nome tem vínculo estreito com seus objetivos: respeitar a criança, o processo natural da mulher de parir e de amamentar, ajudando em situações de dificuldade. A casa é um espaço multiprofissional especializado em aleitamento materno, ponto de encontro para homens e mulheres que buscam assistência em assuntos ligados ao aleitamento, parto humanizado, pós-parto, pediatria, fisioterapia, terapia ocupacional e nutrição infantil. A Casa fica na Vila Madalena, zona oeste de São Paulo.
Espaço NascenteNasceu em 2012 com a missão de informar, acolher e compreender cuidadores de bebês e crianças. A intenção do espaço é promover a maternidade, a paternidade e a infância de uma forma prazerosa. Quem administra o Espaço Nascente, na zona oeste de São Paulo, é o pediatra Carlos Eduardo Correa, que organiza conversas e consultas em grupo para crianças de zero a seis anos. Com o auxílio de outros profissionais, promove oficinas, workshops e cursos variados. Acompanhe!
Espaço Nona LuaEspaço de acolhimento para mulheres gestantes, mães e crianças. É um local que promove o bem-estar, com terapias holísticas, atividade física, acupuntura, oficinas, encontros e cursos. Entendendo o momento do nascimento como um evento familiar, a proposta é que se crie uma rede de apoio e a maternidade ativa, por meio  de um suporte técnico e emocional. Fica na Vila Mascote, zona sul de São Paulo. Os eventos são organizados no próprio espaço e na Casa Girafa.
Casa Angela“Para mim não há nada mais bonito que ajudar uma criança a vir ao mundo e eu sinto claramente que a vivência do parto abre um portal importante para a vida toda.” São palavras da parteira alemã Angela Gehrke da Silva, defensora da humanização do parto. A Casa Angela homenageia seu trabalho. Criada em 2009, é um centro de parto normal, localizado na zona sul de São Paulo. Promove encontros, atividades, cursos e oficinas: veja a agenda.

 

 

 

 

 

 

Resumo

Dança, grupos de apoio ou simplesmente aquele cineminha com os bebês. Fizemos uma lista de lugares na cidade de São Paulo para unir passeio e informação na gestação e no pós-parto.
Ir para o início
Alguma dica ou sugestão? Encontrou um erro? Clique aqui e compartilhe com a gente!

Tenha Lunetas no seu e-mail ou WhatsApp