PNLD 2020: Escolas públicas, é hora de escolher novos livros

Guia do PNLD Literário já está disponível e a seleção de novas obras literárias está aberta até 25 de setembro
iStock/arte Lunetas
  • Publicado em: 18.09.2020
da Redação

Professores, diretores e coordenadores pedagógicos das redes públicas de ensino têm até o dia 25 de setembro para conferir as obras literárias disponíveis no âmbito do Programa Nacional do Livro e do Material Didático (PNLD). Cada escola é responsável por escolher as coleções que acompanharão os alunos dos anos finais do ensino fundamental pelos próximos quatro anos, de acordo com seus propósitos educacionais e as informações contidas no Projeto Político Pedagógico.

O Guia do PNLD Literário 2020 apresenta um resumo fornecido pelas editoras dos livros aprovados em diferentes gêneros – romances, biografias, contos, crônicas, clássicos – e está disponível no portal do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

A sigla PNLD, que antes significava Programa Nacional do Livro Didático, transformou-se em Programa Nacional do Livro e do Material Didático. Com isso, passou a distribuir livros didáticos e também livros literários para estudantes e professores das escolas de educação básica da rede pública. Há também outro edital PNLD literário (o último aconteceu em 2018), que prevê a avaliação e a distribuição de obras literárias para estudantes da educação infantil, dos primeiros anos do ensino fundamental (1º ao 5º anos) e do ensino médio.

As unidades de ensino devem selecionar dois livros por estudante do 6º ao 9º ano, além de acervos para reforçar as bibliotecas escolares com obras para a mesma etapa de ensino. A quantidade de acervos que cada escola terá direito será definida automaticamente pelo sistema, de acordo com o número de estudantes de cada unidade.

  • 14 tipos de acervos para a categoria 1 (obras literárias voltadas para alunos do 6° e 7° anos). Entre os temas, há livros de autoconhecimento, sentimentos e emoções; família, amigos e escola; o mundo natural e social; encontros com a diferença; diálogos com a história e a filosofia; aventura, mistério e fantasia.
  • 14 tipos de acervos para a categoria 2 (obras mais apropriadas para alunos do 8° e 9° anos). Entre os temas, há livros de cultura digital no cotidiano do adolescente; conflitos da adolescência; encontros com a diferença; sociedade, política e cidadania; diálogos com a história e a filosofia; ficção científica, mistério e fantasia.

Para cada ano, serão escolhidas duas obras literárias. Logo, a escola receberá oito títulos diferentes ao todo. Cada um desses acervos tem entre 23 e 25 títulos adequados à linguagem e às temáticas dos livros literários distribuídos para as escolas, tendo sido desconsideradas obras que apresentem qualquer tipo de preconceito, estereótipos ou discriminação de ordem racial, regional, social, sexual e de gênero. 

A partir da diversidade, pretende apoiar o percurso de desenvolvimento do aluno enquanto leitor, oferecendo-lhe opções a serem exploradas em sala de aula de modo que possa ampliar suas reflexões sobre si mesmo, os outros e o mundo à sua volta. 

Após uma reflexão coletiva que avalie os livros de literatura mais adequados à realidade de cada escola, a escolha das obras deve ser feita pelo sistema PDDE Interativo/Simec. Caso a escola ainda não tenha acesso ao sistema, deve entrar em contato com a respectiva Secretaria de Educação e solicitar liberação. O acesso ao sistema é feito com o CPF do diretor de cada unidade de ensino e uso de senha pessoal.

Livros literários e a BNCC

Os livros literários distribuídos pelo PNLD são importantes recursos para a implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) nas instituições públicas do país à medida que incentivam a prática de leitura e estimulam a formação a longo prazo de leitores-fruidores. Ou seja, sujeitos que possam analisar criticamente o mundo e suas relações ao entrar em contato com a diversidade, ampliando suas experiências éticas, estéticas e políticas.

Leia também: Vamos falar sobre a BNCC?

Leia mais

PNLD: educação pública terá livros sem pluralidade, dizem autores

Resumo

Está aberta a seleção de livros PNLD para alunos dos anos finais do ensino fundamental e para os acervos das bibliotecas de escolas públicas no país.
Ir para o início
Alguma dica ou sugestão? Encontrou um erro? Clique aqui e compartilhe com a gente!

Tenha Lunetas no seu e-mail