Carregando...

ONU Mulheres sugere seis planos de aula sobre questões de gênero

Uma das formas de prevenir a violência é garantir que os profissionais de educação estejam preparados para ensinar sobre igualdade de gênero
Gênero na escola
  • Publicado em: 11.01.2018
  • Atualização: 27.05.2018
da Redação

As aulas estão prestes a recomeçar e, pensando em criar uma ambiente escolar mais inclusivo, a ONU Mulheres republicou nesta quarta-feira os planos de aula com foco em gênero na escola para incentivar professoras e professores a abordarem o assunto em sala de aula.

Segundo a organização, a intenção é promover a prevenção da violência contra mulheres e meninas nas instituições de ensino, como as escolas e universidades, por se tratarem de espaços voltados para a formação integral de meninos e meninas, homens e mulheres, para o exercício da cidadania e a promoção de mudanças sociais.

O Brasil assumiu compromissos em relação ao direito das mulheres e o ensino pela igualdade de gênero. Isso inclui a participação na Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher (Convenção de Belém do Pará) e a Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável.

De acordo com o Relatório da UNESCO sobre violência escolar e bullying, lançado no dia 17 de janeiro de 2017, milhões de meninas e meninos sofrem violência relacionada ao ambiente escolar todo ano. O relatório destaca ainda que a violência escolar é impulsionada por “dinâmicas de poder desiguais, que muitas vezes são reforçadas por normas e estereótipos de gênero, orientação sexual e demais fatores que contribuem para a marginalização – como pobreza, identidade étnica ou idioma”.

“Estereótipos reforçados o tempo todo, como ’menino não chora’ e ’menina que usa roupa curta está provocando’, seguem como um freio às possibilidades que meninas e meninos podem alcançar. A educação pode alterar a percepção sobre o papel da mulher na sociedade e a tolerância à violência de gênero”, diz Nadine Gasman, representante da ONU Mulheres no Brasil.

Uma das formas de prevenir a violência é garantir que os profissionais de educação estejam preparados para ensinar sobre igualdade de gênero. Com o intuito de contribuir com a transversalização do ensino de gênero no Ensino Médio, a ONU Mulheres elaborou um currículo e seis planos de aula para conscientizar professores e professoras, meninos e meninas sobre o direito das mulheres e meninas a uma vida livre de violências.

Acesse gratuitamente o currículo e os planos de aula:

 

Resumo

A intenção é promover a prevenção da violência contra mulheres e meninas nas instituições de ensino, como as escolas e universidades.
Ir para o início
Alguma dica ou sugestão? Encontrou um erro? Clique aqui e compartilhe com a gente!

Tenha Lunetas no seu e-mail ou WhatsApp