Escovar os dentes das crianças: dentistas respondem a 8 dúvidas

A escovação inicia quando nasce o primeiro dente da criança e o ideal é que se torne um hábito após cada refeição desde a infância
iStock/arte Lunetas
  • Publicado em: 13.05.2021
por

Assim como tomar banho, escovar os dentes é uma tarefa de higiene pessoal que deve ser ensinada às crianças até que se torne um hábito e aconteça naturalmente. A frequência da escovação varia dependendo da rotina dos pequenos, da mesma forma como cada família tem seu jeitinho de incentivá-la: algumas fazem competição dos dentes mais limpos da casa e outras aproveitam para ter um tempo de convivência coletiva. Alguns filhos podem até participar da escovação dos pais enquanto aprendem, transformando o momento em brincadeira. Mas como os adultos podem incentivar as crianças a escovar os dentes?

O Lunetas entrevistou dois especialistas para tirar dúvidas comuns sobre o assunto.

  • 1 Por que é importante que as crianças escovem os dentes?

Nosso corpo possui mecanismos de defesa, mas, para que haja equilíbrio na saúde, é preciso manter uma higienização diária. Quando se fala em saúde bucal, os problemas mais comuns são as cáries, formadas por bactérias, e as doenças periodontais (gengiva), como alerta o dentista Mário Harumitsu Ota. 

“Para as crianças, costumo explicar que existem bichinhos que se alimentam da comida que fica na nossa boca e, ao comer essa comida, eles acabam comendo nossos dentes junto”, acrescenta a odontopediatra Juliana Fanaro. 

  • 2 Por que as crianças têm tantas cáries?

Como explica a odontopediatra, a cárie é uma doença multifatorial, gerada por vários acontecimentos, entre eles, as próprias bactérias que fazem parte da flora natural da boca, os restos de alimentos (principalmente açúcar e alguns tipos de carboidratos) e o tempo. Ou seja, as crianças acabam tendo mais cáries, porque a higiene é deficitária e também por influência das preferências alimentares, principalmente pelo excesso de doces. “Muitas famílias acham que as crianças já podem escovar sozinhas ou não supervisionam como deveriam”, afirma.

  • 3 A partir de que idade é preciso escovar os dentes das crianças?

A escovação começa a partir do momento em que nasce o primeiro dente do bebê, em torno de seis meses, usando escovas específicas para cada faixa etária (não é obrigatório usar dedeiras). Segundo Juliana, é importante que os dentes sejam escovados pelos adultos até que a criança seja capaz de segurar a escova e ganhe prática. Mesmo assim, até que se tenha uma boa coordenação motora, a atividade deve ser supervisionada para diminuir as chances de se machucarem ou mesmo repetida para garantir a limpeza correta.

O Lunetas pediu ao artista Paulo Bruno que criasse uma história em quadrinhos para mostrar como é possível tornar a escovação de dentes em um momento divertido entre pais e filhos! Gostou desta ideia?

  • 4 Há tipos de escovas dentais recomendadas?

Existem escovas para cada faixa etária. É comum que as voltadas ao público infantil apresentem algum apelo ao consumo, como formatos de bichinho, desenhos coloridos e até brindes. Mas, como atenta Mário, o segredo está nas cerdas: elas precisam ser numerosas e bem macias.  

  • 5 Como fazer a escovação correta?

O movimento circular e voltado para o sulco gengival auxilia na eliminação do acúmulo de resto de alimentos presos entre os dentes, mas é muito comum que as crianças estejam agitadas e não consigam realizar sozinhas a escovação correta. “No início, o importante é não se apegar tanto à técnica, mas conseguir com que a criança passe a escova em todas as partes do dente”, afirma Juliana. 

Instruções para ensinar as crianças a escovarem os dentes corretamente

  • Inclinar a escova a 45°, com as cerdas voltadas para o sulco gengival, fazendo movimento circulares e de varredura (vibração), acompanhando o formato da gengiva e passando por toda a superfície do dente. Realizar o movimento do lado de fora e de dentro dos dentes.
  • Na parte de dentro, no céu da boca e na língua, fazer inclinação ou movimentos circulares, como se fosse uma vassoura limpando.
  • 6 Quantas vezes ao dia é recomendado às crianças escovarem os dentes?

Os dentes precisam ser limpos após cada refeição, principalmente após ingestão de açúcar, o alimento preferido das bactérias. Portanto, essa prática está diretamente relacionada à rotina alimentar de cada criança. “Dependendo da idade, é difícil cobrar a escovação, mas o importante é que ela ocorra, em média, três vezes ao dia”, diz Mário. 

  • 7 Quando o fio dental é necessário?

Diariamente, sugerem os especialistas. “O fio dental se torna ainda mais importante para quem tem dentes muito colados uns aos outros, o que impede que as cerdas da escova façam o trabalho completo de limpeza”, observa Mário. Por uma questão de coordenação motora, é difícil que as crianças sozinhas consigam passar fio dental corretamente até os oito anos. O ideal é que os pais as ajudem nessa tarefa, de preferência, três vezes ao dia. Se a rotina da família não permitir essa frequência, é bom garantir o fio dental pelo menos uma vez ao dia, sugere a odontopediatra.

Instruções para ensinar as crianças a passar fio dental

Não basta colocar o fio dental entre os dentes e puxar. Veja abaixo algumas recomendações:

  • Inserir o fio dental, cuidadosamente, deslizando pela superfície do dente, até ultrapassar o sulco gengival fenda ou linha de junção entre um dente e a gengiva;
  • Passar o fio dental com cuidado nesta fenda, captando a sujeira;
  • Retirar o fio, fazendo um movimento de fricção de trás para frente;
  • Repetir o movimento em todos os dentes, mas usando partes novas do fio dental para cada dente a ser limpo.
  • 8 Como usar a pasta de dente?

As maiores dúvidas estão relacionadas à presença de flúor, já que as crianças podem acabar engolindo o elemento químico. A odontopediatra Juliana Fanaro garante que, para qualquer idade, a pasta precisa conter flúor, variando apenas a quantidade de uso. Até dois anos e meio de idade, se a opção for utilizar pasta, é recomendado o equivalente a um grão de arroz. Quando a criança começa a entender e aprende a cuspir, é possível aumentar para o equivalente a um grão de ervilha. 

Dicas para tornar a escovação mais divertida!

Conversamos com algumas famílias para saber as estratégias usadas em casa para entreter os pequenos durante a escovação. Olha só as dicas!

  • Oferecer autonomia: deixar a criança ser protagonista da escovação para se familiarizar com os movimentos, mesmo que depois os pais precisem escovar novamente para conferir se os “bichinhos” ainda estão ali. Outra opção é levar os filhos para escolherem a própria escova, pasta e fio dental, criando uma conexão com os objetos pessoais.
  • Contação de histórias: que tal buscar ajuda dos personagens preferidos da criança, com uma boa pitada de imaginação? “A sereia estava com a boca muito suja e perdeu os dentes, mas agora ela está aqui para ajudar a gente a escovar os nossos dentinhos da maneira correta!”
  • Caça comida: pedir para a criança recordar o que comeu é um incentivo para ir em busca dos restos daquelas comidas na boca. Vamos à caça?
  • Criar um momento ritualístico: que tal apagar as luzes, acender uma vela e escolher uma música tranquila para relaxar? Incorporar a escovação na hora do banho pode ser também uma maneira interessante de estimular a limpeza.
  • Escovação cruzada: o filho escova os dentes dos pais e os pais escovam os do filho! As risadas são garantidas e o gesto ainda pode fortalecer os vínculos entre adultos e crianças.
  • Competição dos dentes mais limpos: vamos comparar quais dentes são os mais branquinhos e limpinhos? 

 

Resumo

Escovar os dentes é fundamental para higiene pessoal e deve ser ensinada às crianças até que se torne um hábito. Os pequenos podem achar chato, mas é importante que os pais expliquem a importância da escovação, formas corretas de fazê-la e transformem essa tarefa em um
Ir para o início
Alguma dica ou sugestão? Encontrou um erro? Clique aqui e compartilhe com a gente!

Tenha Lunetas no seu e-mail

Últimos posts