Mostra ‘É Tudo Criança’ traz mais de 40 filmes para toda família

iStock/Portal Lunetas
  • Publicado em: 07.06.2021
da Redação

O que é ser criança nos dias de hoje? Na segunda edição do festival “É Tudo Criança”, o público é convidado a debater sobre a infância na pandemia, entender o tratamento da criança no audiovisual, saber das narrativas preferidas das crianças, encontrar ligações entre cinema e educação, dentre outros assuntos que tratam a infância no plural. Gratuito e on-line, o evento acontece entre 7 e 11 de junho de 2021, com 39 curtas e dois longas-metragens que podem ser assistidos até esta sexta-feira, divididos em quatro mostras distintas: “Infâncias Plurais”, “Minas Gerais”, “Sabiá” e “Criança Faz Cinema”.

Com a curadoria de Arthur Fiel, o festival destaca a variedade de infâncias que existem ao redor do país. “Elas [as crianças], talvez, sejam mais potentes em seus enfrentamentos por não abrirem mão de usar a imaginação como ferramenta de luta e resistência”, pontua o curador, reforçando que a diversidade de crianças no Brasil vai além de tons de pele, corpos e cabelos.

Confira a programação!

2º Festival É Tudo Criança!

7 a 11 de junho de 2021

Eventos paralelos à programação de filmes:

8 de junho

15h: Oficina de história em quadrinhos, com Renatta Barbosa, no canal do YouTube

16h: Webinário “Infâncias Locais e Plurais: Espacialidades e Vivências Estéticas”, com Jader Janer (UFF) e Raquel Santiago (professora da rede básica de ensino em Leopoldina), no canal do YouTube  e no Facebook

17h: Programa Na Mídia, no Instagram do festival

9 de junho

16h: Webinário “Arte-Educação: Crianças Fazendo Cinema”, com Beatriz Lindenberg (Instituto Marlin Azul), Louise Ribeiro e Vitória Campos (Instituto Querô), Paulo Accioly (Casa Amarela da Providência) e mediação de Paula Duarte (curadora), no canal do YouTube e no Facebook do festival

17h: Programa Na Mídia, no Instagram do festival

17h: Sessão especial “Janela Animada”, com animações produzidas pelo grupo de experimentação em animação Janela Animada, projeto de extensão do Núcleo de Produção Audiovisual da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

10 de junho

15h: Oficina de história em quadrinhos, com Renatta Barbosa, no canal do YouTube

16h: Bate-papo da curadoria, com Arthur Fiel, Francine Rodrigues, Igor Barbosa, Lorena Bicchieri e Paula Duarte, no canal do YouTube e no Facebook

17h: Programa Na Mídia, no Instagram do festival

11 de junho

16h: Webinário “Escola e Cinema: O Audiovisual como Produtor de Presença”, com Liana Lobo Baptista (UFMG) e Maximiliano Valerio Lopez (UFJF), no canal do YouTube e no Facebook

17h: Programa Na Mídia, no Instagram do festival

17h: Sessão especial de encerramento, com a estreia nacional do filme “Dentro da caixinha – Segredo de criança”, de Guilherme Reis

Programação de filmes

Os filmes podem ser acessados no site do festival, em toda a duração do evento.

Mostra Infâncias Plurais

  • “Lily’s Hair”, de Raphael Gustavo da Silva (GO)
  • “Assombramitos”, de Elizangela da Silva Guimarães (BA)
  • “ErêKauã”, de Paulo Accioly Lins de Barros (AL/RJ)
  • “Nova Iorque”, de Leandro Tabosa do Nascimento (PE)
  • “Dádiva”, Evelyn Santos (SP)
  • “Foguete”, de Pedro Henrique Rodrigues Chaves (DF)
  • “Gabi”, de Claudio Furton (SP)
  • “A incrível aventura das sonhadoras crianças contra lixeira furada e capitão sujeira”, de Beatriz Ohana Rocha (RJ)
  • “Assum Preto”, de Bako Machado (PE)
  • “Dia do manguezal”, de Beatriz Lindenberg (ES)
  • “O tempo que ficou”, de Renata Prado de Moraes (PR)
  • “O dia em que o mar chegou até Bento”, de Fernanda Vidigal Rachid Silva (MG/ Cuba)
  • “Muda”, de Isabella Pannain (MG)
  • “Sem filtro”, de Louise Ribeiro e Vitória Campos (SP)
  • “Mariquinha no mundo da imaginação”, de Tina Xavier (MS)
  • “A menina com um buraco na mão”, de Alice Cruz e Sergio Kauffmann (RJ)

Mostra Minas Gerais

  • “Dia de Maria”, de Jáder Barreto Lima
  • “Vida dentro de um melão”, de Helena Frade
  • “Meu melhor amigo”, de Laly Cataguases
  • “A menina robô”, de Igor Amin
  • “Pila pilão”, de Giuliana Danza
  • “Poética de barro”, de Giuliana Danza
  • “O menino pobre que sonhava ser jogador”, de Italo Produções
  • “A vida é coisa que segue”, de Bruna Schelb Corrêa

Mostra Sabiá

  • “Mata”, de Ian Campos (RJ)
  • “Jamary”, de Begê Muniz (AM)
  • “Se a vida te der um anzol”, de ULI Dile (RJ)
  • “Cuna”, de Camilla Campos e Gabi Etnger (SE)
  • “Mar à vista em: viagem no tempo”, de Luana Almeida (AL)
  • “Terra que fala – Macaxeira, mandioca ou aipim?! Ela é nossa!”, de Sandra Calaça (RJ/AL)

Mostra Criança Faz Cinema

  • “Life game”, de Renatta Barbosa, Erick  Dônola e Lucas Raváglia (MG)
  • “A galinha ruiva”, de Irson Jr (ES)
  • “O menino que foi na casa do vento do Norte”, de Irson Jr (ES)
  • “Pare este monstro!”, de Miguel e JR Ferreira (MG)
  • “Vento viajante”, de Beatriz Lindenberg (CE)
  • “O monstro do mercado sul”, de Yuri Barbosa (DF)
Aviso

As informações acima são de responsabilidade do organizador do evento e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Tenha Lunetas no seu e-mail